sexta-feira, 3 de maio de 2013

2145

Estou a morrer de novo. Ainda dizem que não se morre de amor.

8 comentários:

Raquel Neves disse...

Tenho tanta pena que ainda estejas a morrer de amor ou outra vez assim... Gostava que encontrasses a tua paz. Ou que adormecesses só como eu. Sabes que te desejo melhor. Vai passar <3

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

o amor é deprimente mesmo. deixa-nos mesmo no caos. mas , no fim, quando tudo se resolve, vale a pena, COMPELTAMENTE!

emma disse...

força linda <3

Ari* disse...

a pior das doenças. a verdade é que temos de conhecer a turbulência para encontrar a paz. good luck :3

Ari* disse...

a pior das doenças. a verdade é que temos de conhecer a turbulência para encontrar a paz. good luck :3

violeta disse...

já estive aí, fica melhor :)

Mafalda disse...

oh se não se morre :(

C. disse...

O tempo tudo cura, acredita.