segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

vagueias por aí

Onde estás tu? Pergunto-me todas as noites assim que me deito, por onde andas, com quem andas, e o que trazes em mente; faço estas perguntas todas noites enquanto o sono não me consome o corpo todo, falo contigo como se tu estivesses ali, mas não estás, nem sequer estás ali para me poder ouvir e essencialmente para me poderes responder, mas eu mesmo assim continuo a fazer perguntas, pode ser que tu algum dia, respondas, dês um sinal, te lembres de mim, e da falta que te faço. Até lá continuo sempre com o meu ritual de perguntas, até que chegue o dia em que vá embora, e adormeça profundamente, sem nada dizer, sem nada perguntar, e me mentalize que foi o fim, e que ache que tu já nem sequer te importas, mas esse dia está longe, porque sei que lá no fundo, pensas em mim.

9 comentários:

Maria Inês disse...

Está tão intenso, adoro *.*

Maria Inês disse...

Não tens nada que agradecer $:

aimi disse...

adorooo!

Hapi disse...

Irrita-me tanto estas coisas!

Hapi disse...

Lindo isto. Tu tocas-me tanto!

Maria Filipa disse...

ainda bem que encontras-te de novo :)

inêsf. disse...

estou de volta, acho que já está tudo melhor *

Hapi disse...

Tocas mesmo muito!

Aurora disse...

estou revoltada princesa. olha http://www.copyscape.com/