segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

dificil

E os meus olhos tentam não cruzar os teus, sabendo eu lá bem no fundo que o que eles mais querem é estarem de novo frente a frente com os teus. O meu coração explode, ou quase explode, só de sabe que nem sequer estás aqui, ninguém, jamais conseguirá substituir o que tu foste, és, e tudo aquilo que fizeste por mim até hoje. Ainda me lembro do primeiro dia que olhei para ti e o meu coração deu um sorriso, paralisamos no mesmo momento; mas o que interessa é o agora, e o agora está amargurado, está escuro e sombrio, eu sei que não posso permanecer calada por muito mais tempo, mas também sei que não devia sequer sair da minha boca uma única palavra. Mas olha, faz o que quiseres, o meu coração é teu, dá-lhe o caminho que para ti seja o mais correcto, faz isso.

1 comentário:

Aurora disse...

é mesmo pequenina :( <3