quarta-feira, 13 de julho de 2011

too late

Meteste-me a mão no rosto e olhaste-me nos olhos, sei que viste o brilho que preenchia os meus, sei que viste eu esboçar um sorriso e a seguir desviar o meu olhar do teu, depois de algum tempo, beijaste-me, deste-me um beijo sincero, verdadeiro e marcante. Eu quis aproveitar aquele momento até ao último minuto, porque sabia que enquanto te beijava poderia ser a última vez. Depois de me teres dado aquele beijo poderoso, deste-me um abraço, eu achei estranho, aquilo para mim estava a parecer uma despedida; depois de me teres dado um abraço bem forte e sincero disseste-me ao ouvido "desculpa", e eu permaneci em silêncio. Continuaste e disseste "vai ser melhor assim, eu não quero tornar isto ainda mais complicado, não quero que depois de algum tempo sofras. Embora saiba que agora mesmo te custe, tu vais esquecer-te disto e de mim". Não consegui dizer nada, permaneci calada, e paralisada com o que tinha ouvido sair da boca dele com todas as letras. Voltou a dar-me um beijo na testa, e passou a mão dele sobre a minha, eu baixei a cabeça e depois de estar quase a chegar a casa e de ver ele partir, olhei para trás e já só consegui ver a matricula do seu carro, e bem baixinho disse "adoro-te". Mas agora já não valia de nada, ele já tinha ido embora e eu já não sabia quando o ia voltar a ver. Agora percebo o seu abraço e o seu beijo, e ainda bem que os guardei como se fosse algo muito valioso, assim como tu!

8 comentários:

Brunaa disse...

Pois. Obrigado por comentares
Love, Bruna

Bruna Sófia disse...

CONCORDO! É sempre o que eu faço(: beijinho

Gabriela ♥ disse...

Amei o texto *-*

marília gonçalves disse...

para quem já esteve com peso a menos, chegar ao objectivo do peso ideal é óptimo :)

ana neves disse...

lindooooo *-*

Ana Margarida disse...

está lindo, querida :)

náná. disse...

adoro imenso, acho-o perfeito!

Mafalda disse...

Isto está tão profundo!