quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

um passado ou uma história?

Um olhar. Um sorriso. Uma palavra. Uma mensagem. Um dia. Uma noite. Uma hora. Um minuto. Um segundo. Uma mão. Um beijo. Um abraço. Um olhar ainda mais intenso. Um coração. Um sentimento. Uma pessoa. Dois olhares. Dois sorrisos. Duas palavras. Um dia. Uma noite. Duas horas. Dois minutos. Dois segundos. Duas mãos. Um beijo. Um abraço. Dois olhares intensos. Dois corações. Um único sentimento. Duas pessoas. Tu dás-me um olhar, com o teu olhar parece que estremeço por dentro, mesmo sem o per-sentires ou sem sequer notares. Dás-me um sorriso e derreto-me toda como se fosse uma ingénua criança. Dizes-me uma palavra e eu fico pregada ao chão sem saber o que dizer. Mandas-me uma mensagem e eu fico pasmada ao olhar para o telemóvel e ver lá o teu nome. Um dia, que foi onde tudo começou. Uma noite que foi onde tudo acabou. Uma hora para tu dizeres coisas que não querias, e um minuto para eu te desculpar, e basta apenas um segundo para mudar tudo. A tua mão a passar pelo meu rosto e eu fico sem reacção. O sabor do teu beijo fica na minha boca durante bastante tempo. Quando me abraças sinto-me a melhor pessoa do mundo. Quando olhas para mim com intensidade, sinto que me desejas. Quando sinto o teu coração tenho medo do que ele possa sentir. O teu sentimento por mim, é a saudade e não o esquecimento. E uma pessoa que és tu, duas pessoas que somos nós, e agora mete tudo isto que escrevi no passado, e aí vais perceber a diferença, do antes e depois. 

3 comentários:

Mafalda disse...

«um passado ou uma história?» e desde aqui que li o teu texto num suspiro. Muito bom

Mafalda disse...

Quando se ama, prefere-se facadas nas costas do que o silêncio. Não fosse tão grande a nossa demência.

Princesa do nada disse...

às vezes é preciso deixar-mos as pessoas que amamos partirem, que dói sim é verdade, que nos destrói, que morremos aos poucos como se um veneno lento nos fosse corroendo aos poucos, sim também é verdade... magoa, fere-nos.. as cicatrizes custam muito a passar.. mas às vezes a história tem de ficar no passado, por mais que doa, por mais que magoe.. também queria ultrapassar..eu sei o que dói :(

Beijinho grande linda*