quarta-feira, 17 de julho de 2013

0205

Não me doeu ver-te com outra pessoa, aliás, acho que já nada me dói, tu matas-te tudo o que foi nosso, e depois desta, foi a gota de água, não quero nem por sombras nem por pensamentos uma pessoa como tu a meu lado. Vales zero, desculpa.

3 comentários:

Margarida disse...

não peças desculpa a quem não merece, aliás, nunca peças desculpa. ou arrependes-te do que fazes e dizes?

Raquel Neves disse...

Mas tu ainda pedes desculpa no fim. Não peças.

Gonçalo S. Neves disse...

Muito bom. É bom voltar ao blog quase dois anos depois e ver que ainda se escreve com a mesma vontade e delito.