terça-feira, 14 de junho de 2011

o nosso amor morreu!

Hoje bebemos café juntos, pensei que fosse estranho, ver-te de novo, falar contigo de novo, mas afinal não foi, não foi assim tão estranho e tão como eu pensava. Afinal nós sempre tivemos um grande à vontade entre nós; mas também percebi que já nada era verdadeiro, já nada era puro, já nada fazia sentido e já nada era como era. Sim, um beijo aconteceu, e eu senti que já não havia nada que nos ligasse, que já tinha passado demasiado tempo depois disso e que já tinha morrido tudo entres nós, que já não tem ponta por onde se pegue este nosso amor. O nosso amor morreu a partir do momento que nos magoamos um ao outro, a partir do momento que nos ofendemos e que deixamos que isso complica-se tudo, deixamos morrer todas as coisas entre nós, é verdade. Mas sabes? Tu fizeste-me que perceber que há pessoas na vida que são as certas, tu não foste a errada nem a certa, foste uma pessoa que me fez passar por coisas, coisas essas que fizeram que eu aprendesse que com o tempo morre diversas coisas, e que a morte do amor também existe!

2 comentários:

jezebel disse...

o amor entre as pessoas por vezes acaba :/

Mafalda disse...

:| nunca acreditei que o amor morresse*