segunda-feira, 11 de junho de 2012

I and I alone

Deixei de pensar, de sentir, agora sou apenas eu, eu com o meu coração às costas, tentando com que o sol o aqueça e que o cubo de gelo se vá derretendo por o caminho fora, sei que é difícil, depois de uma queda brusca todos nós nos demoramos a levantar, a todos nós nos custa sarar as feridas outrora provocadas por os que mais gostávamos, por quem dávamos tudo, por quem nunca deixamos de parte e tivemos sempre com um colchão apontado para ver onde era a sua queda. Talvez tenha segurado quedas de muita gente, sem me preocupar com as minhas, agora já não é assim, sou só eu, apenas eu e desculpem se pareço egoísta, mas a vida ensinou-me que não vale a pena gastar-mos esforço em vão.

4 comentários:

Emilie Lorena disse...

Acredita existem muitas pessoas com um egoísmo como o teu! Eu sou uma delas e não me arrependo. Depois de tanta coisa também merecemos ser felizes :) se sempre assim forte *

andrii disse...

Amei, mesmo! <3

Ana Margarida disse...

Tens de ser tu própria, sempre. Não para agradar os outros. Para agradar a ti e somente a ti.

- Susana . disse...

goostoooo!