domingo, 22 de janeiro de 2012

once more

E à medida que a noite cai, fria e escura, os meus olhos deixam de brilhar, deixam de ver a esperança que se costumava ver através do coração escaldante e a alma poderosa. Não te preocupes, ele vem atrás, é exactamente a frase que me vem mais à cabeça todas as vezes que olho pela janela e vejo o céu cada vez mais escuro, eu, sem tempo para me interrogar se tu poderás vir atrás ou não, se ficas pelo caminho ou te perdes de novo por essas ruelas frias e obscuras. Olho de novo pela janela e o céu começa a ficar brilhante, o frio apodera-se do meu corpo, tento não pensar, não falar, não corresponder, de novo, o silêncio instauro-se em mim.

12 comentários:

Wendy disse...

Quem sabe... :)

sam disse...

devias escrever um livro, damn

Wendy disse...

Obrigada pela força querida! *

Ana A. disse...

de nada ;)

ana patrícia disse...

muito obrigada! ainda bem que gostas daquilo que escrevo. é muito bom saber isso :)

Jun disse...

vou lendo...

elise disse...

que lindo, meu deus!

sam disse...

mesmo mesmo

Wendy disse...

Tenho um desafio para ti no meu blogue! * :)

Aurora disse...

eu quero-te bem amor<3

Wendy disse...

De nada fofinha. :)

bam disse...

Sim, acho que tens toda a razão.. E obrigada!