terça-feira, 20 de dezembro de 2011

quero voltar

Gostava de dizer que me sinto livre, e de alma cheia, mas não posso dizer isso se não é mesmo assim que me sinto. Sinto-me vazia, sem alma, sinto uma dor que me acompanha já alguns tempos e eu a ada dia parece que não consigo suporta-la e ela é cada vez maior. Estou sem rumo, de novo, pensei que está sensação depois de algum tempo sozinha passa-se, mas afinal não passou. Sou como uma vagabundo que anda perdido por estas enormes ruelas e que não sabe por onde ir, sem aconchego, sem uma manta quente ou apenas um abraço apertado, sinto-me assim, fria, e cada instante cada vez mais brusca comigo própria. Queria poder dizer que tu foste apenas um zero no meio do nada, mas tu foste mais que isso, foste um nada num tudo e eu não consigo habituar-me à ideia de não te ter aqui. Será amor? Será saudade? Será falta de aconchego? Pergunto-me inúmeras vezes, a mim própria o que se está a passar aqui dentro, mas não tenho resposta, só tu podes dar-me essa resposta, só tu podes fazer com que o meu coração se sinta rei.

3 comentários:

Hapi disse...

Oh :$

Marta ☮ disse...

Munto obrigada mesmo !
Adoro a musica que tens no blog, band of horses :)

inêsf. disse...

obrigada pelo teu constante apoio, és um anjo!
é verdade, é bem verdade, existem poucos assim .