domingo, 27 de novembro de 2011

time

Até quando o teu silêncio vai ser tão perturbador para a minha alma, e até quando vamos esconder que há qualquer coisa entre nós que nos liga, que nos faz tremer, que nos faz palpitar; nunca me quiseste magoar, eu sei, mas magoas-me agora em segredo, só por teres medo de te entregar, mas eu queria saber até quando vamos aguentar isto, nós.

2 comentários:

paulamaria disse...

adoro!

Aurora disse...

tem muita força amor